» » Passeios em Gramado: A beleza do Lago Negro

Passeios em Gramado: A beleza do Lago Negro

postado em: Blog | 2

Um dos lugares mais lindos de Gramado, o Lago Negro é ideal para quem busca paz, natureza e belas paisagens. Veja fotos e um vídeo desse lugar apaixonante.

Lago Negro - Gramado (RS)
Conheça toda a beleza do Lago Negro em Gramado.

Gramado é uma cidade linda e tem lugares inesquecíveis. Cada canto por onde você anda enche os olhos e te faz parar para apreciar a paisagem. Entretanto, como em qualquer cidade do mundo, sempre haverá aquele lugar especial que nos encanta mais do que os outros. Para minha esposa e eu, nosso lugar favorito em Gramado é o belo Lago Negro.

Cartão-postal de Gramado e uma das atrações mais visitadas, o Lago Negro é um lago artificial em forma de ‘U’, onde o visitante não consegue enxergar as duas margens simultaneamente, sendo obrigado a caminhar por elas e, com isso, apreciar toda a beleza do lugar.

Esta paisagem espera por você em Gramado.
Esta paisagem espera por você em Gramado.

A idealização do lago foi de Leopoldo Rosenfeldt. No início da década de 40 ocorreu um incêndio que destruiu boa parte da vegetação nativa. Sem recursos para evitar a propagação das chamas, Rosenfeldt promoveu a abertura de uma vala, que mais tarde veio a se tornar o lago. Existem duas fontes históricas sobre o nome: Uma está ligada à proveniência das primeiras mudas das árvores (trazidas da Floresta Negra, na Alemanha) que foram plantadas no local; e a outra se refere à negritude das águas.



Os famosos pedalinhos do Lago Negro oferecem uma atração à parte.
Os famosos pedalinhos do Lago Negro oferecem uma atração à parte.

Lembro da primeira vez que visitamos o Lago Negro, em 2010. Era um fim de tarde, havíamos passado o dia em passeios pela Serra Gaúcha e o Lago Negro era nossa última parada. Logo que passamos pela entrada meu coração parou, me deixando sem palavras para descrever a beleza do lugar. Naquele dia ficamos ali pouco tempo, mas foi o suficiente para gravar a paisagem em nossos corações.

Caminho de azaleias nas margens do Lago Negro.
Caminho de azaleias nas margens do Lago Negro.

Após o choque com a beleza natural, você sai andando por caminhos cercados de azaleias (e hortênsias no verão) e a paisagem vai se revelando aos poucos. Uma das atrações do Lago Negro são seus famosos pedalinhos em formato de cisne e caravela, que fazem a alegria dos visitantes. Naquele final de tarde, enquanto andávamos pelo lago, notamos diversas pessoas chegando com amigos ou familiares apenas para sentarem na grama, abrirem suas garrafas térmicas com chimarrão e observarem o pôr-do-sol em silêncio. Não consigo imaginar melhor forma de se terminar um dia do que essa.

Turistas e moradores se reunindo para curtir o pôr-do-sol no Lago Negro.
Turistas e moradores se reunindo para curtir o pôr-do-sol no Lago Negro.

Em 2013 minha esposa e eu voltamos a Gramado e, desta vez, pudemos aproveitar o Lago Negro praticamente todos os dias. Sem pressa, sem horário, sem passeios definidos, saíamos bem cedo do hotel e rumávamos para lá. No primeiro dia do nosso retorno a manhã estava fria e nublada, mas arrisco dizer que o Lago Negro é tão lindo em dias nublados quanto em dias ensolarados – cada qual oferece uma variação única da beleza do lago.

A sensação de paz, serenidade e introspecção que emana do lugar é indescritível. Fazia 6 graus de manhã e um silêncio inefável pairava sobre o lago, quebrado apenas pelos nossos passos e pelo canto etéreo dos pássaros, como tímidas preces saudando com mansidão o novo dia.

Mesmo em dias frios e nublados, o Lago Negro não perde sua beleza.
Mesmo em dias frios e nublados, o Lago Negro não perde sua beleza.

O lago não é grande, você o percorre em 10 ou 15 minutos. Mas escolha um banco, sente-se em silêncio e aprecie a paisagem. Deixe seus pensamentos se perderem e uma ou duas horas passarão sem você perceber. Ao sair, você não será a mesma pessoa que entrou. Não importa quantas fotos ou vídeos você veja, só entenderá minhas palavras quando estiver lá.

Prova disso foi um dia em que, após nossa visita matinal ao Lago Negro, já estávamos deixando o lugar quando passamos por um grupo de turistas que visitava o lago pela primeira vez. Conversavam e brincavam entre si, com câmeras em punho, quando passaram pela entrada, bem ao nosso lado, e um rapaz, de frente para a exuberância do Lago Negro, deixou escapar um “Nossa…!” quase sussurrado. Minha esposa e eu nos olhamos e sorrimos. Sim, sabíamos bem o que aquele ‘nossa’ significava – nós o emitíramos três anos atrás e isso nos enfeitiçou desde então.

Você só vai entender o que essas pessoas estão desfrutando quando visitar o Lago Negro.
Você só vai entender o que essas pessoas estão desfrutando quando visitar o Lago Negro.

Se você busca momentos de paz e inspiração, o Lago Negro, em Gramado, é parada obrigatória.

Assista a um vídeo do Lago Negro

Veja mais dicas de Gramado:

Comente pelo Facebook

comentarios

Seguir Emilio Calil:

Jornalista, escritor e designer. Fundador do LifeBreak, apaixonado por tecnologia e pela Serra Gaúcha. Apreciador de boa gastronomia, bons vinhos e boa conversa. O resto você descobre aqui: www.emiliocalil.com

2 Respostas

  1. eva edes
    | Responder

    obrigada Emilio , Amei !!!!

  2. […] de Gramado obrigatória (não apenas no inverno, mas no ano inteiro) é o Lago Negro. Um dos lugares mais lindos de Gramado, o Lago Negro é ideal para quem busca paz, natureza e […]

Deixe uma resposta